9 de ago de 2010

Mesoterapia ou Intradermoterapia


A técnica popularmente conhecida como "aplicação de enzimas" na verdade consiste em aplicar no subcutâneo (camada de tecido adiposo abaixo da pele) substâncias lipolíticas (que queimam gordura) para que elas ajam diretamente no tecido adiposo daquele local que se deseja tratar.

Essas mesmas substâncias se ingeridas por via oral ou injetadas na circulação sanguínea iriam atingir um nível baixo no organismo agindo de forma difusa em toda a gordura corporal, sendo pouco eficaz na redução das medidas específicas desejadas. Mas sendo aplicadas diretamente na área de gordura localizada que se deseja tratar (reduzir), atingirá uma maior concentração naquele local, tendo ali um maior efeito antes de ser absorvida pela circulação sanguínea e então "diluída" por todo o organismo onde atingirá níveis muito baixos e não apresentará riscos de efeitos colaterais.

A maioria dos agentes lipolíticos usados são extratos e substâncias naturais como cafeína, chá verde, etc. Essa técnica ainda carece de comprovação científica (faltam estudos que demonstrem sua real efetividade e segurança a longo prazo) não sendo ainda, portanto, indicada até que maiores esclarecimentos sejam obtidos.

Não ser indicada não significa ser proibida, a técnica é e pode ser realizada porém ainda não está comprovada e assegurada por pesquisas. Uma substância que era antes muito usada nesta técnica, a fosfatidilcolina (Lipoestabil), está agora proibida e não deve ser usada pelo risco de possíveis efeitos colaterais.

Como se trata de uma técnica invasiva, em primeiro lugar deve ser realizada por profissional extremamente capacitado e conhecedor da anatomia humana, que é o médico. Outro cuidado importante é obedecer a uma série de recomendações para antes e depois das sessões, como cuidados de limpeza, manipulação e exposição solar da região das aplicações, para evitar complicações como infecções, hematomas, dor e manchas.

Como todo tratamento estético, a mesoterapia deve ser realizada por profissional capacitado, em casos selecionados e com acompanhamento do responsável para avaliação dos resultados e resolução de possíveis intercorrências.

Nenhum comentário:

Postar um comentário