20 de abr de 2011

Comida industrializada: lhe dá mais tempo livre para...ficar doente e ir a médicos!

A correria do dia-a-dia atarefado. A preguiça. O desconhecimento sobre como preparar alimentos saudáveis e refeições caseiras. Tudo isso nos leva a consumir alimentos prontos e embalados que compramos aos montes nos supermercados. Eles facilitam nossa vida. Foram feitos pra isso. Nos tiraram da cozinha onde perderíamos horas lavando e picando ingredientes, cozinhando e depois armazenando os alimentos para não estragarem, e nos deram mais tempo para trabalhar mais e curtir mais e vida.

Isso seria ótimo, não fosse o óbvio: para os alimentos durarem em embalagens plásticas por meses e anos, não podem ser feitos à maneira antiga, com leite, ovos e manteiga. Precisam de ingredientes que não estraguem e mantenham o sabor (que vem de essências e aromatizantes).

Cheios de açúcar, gordura, sal, corantes, conservantes, aromatizantes e etc, esses produtos tornaram-se regra na nossa alimentação e estão presentes em todas as refeições. Soma-se a isso o fato de os produtos frescos e naturais (frutas, verduras, legumes, vegetais, grãos, carnes, etc) terem muitas vezes procedência duvidosa, onde não sabemos se foram plantados, colhidos, armazenados e transportados corretamente para conservarem seus nutrientes. E a conclusão é uma só: estamos literalmente ferrados! Desculpem o linguajar, mas é isso mesmo. Doenças diversas e má-qualidade de vida é o que nos acompanhará no maior tempo livre que a indústria alimentícia nos proporciona. Menos tempo preparando sua refeição, para ter mais tempo para ir a médicos e hospitais. Sorry! Mas é verdade.

Por isso, na hora de preparar suas refeições, opte por comidas caseiras, feitas com ingredientes frescos e, de preferência orgânicos. Você não apenas economizará dinheiro no supermercado e diminuirá o seu impacto ambiental, como ainda terá uma comida mais saborosa e saudável na sua mesa.

Troque molhos, sopas, lasanhas e outros alimentos industrializados prontos por versões naturais.

O processo de preparo ainda pode tornar sua refeição mais completa e prazerosa.

Mesmo que você não tenha tanto tempo para se dedicar à cozinha durante a semana, tente começar aos poucos e com alimentos simples. Uma torrada, por exemplo, pode ser feita com o pão de ontem, em vez de se comer a industrializada. Basta cortá-lo em fatias e colocar no forno.

Prepare um molho de tomate para o macarrão com tomates frescos e temperos, em vez de abrir uma lata de molho de tomates, que é cheio de sódio e conservantes.

Prepare sucos de frutas frescas em vez de beber sucos de caixinha que também contêm muitos corantes e conservantes.

Faça bolos, pudins e até biscoitos em casa em vez de comprar os prontos e embalados, que são cheios de gordura trans e conservantes. Na maioria das vezes, estes produtos nem trazem os ingredientes que dizem ter, como nozes, castanhas, côco, morango, chocolate, etc; e sim são aromatizados com essências que imitam esses sabores.

Não tenha preguiça. Não coma os industrializados e artificiais. Coma os frescos. Prepare sua comida. Faça isso pelo seu bem.



Dra. Priscila Rosa Pereira.

Um comentário: