20 de mai de 2012

Benefícios da massagem para constipação intestinal


A constipação intestinal, conhecida também como prisão de ventre, é um problema que atinge grande parcela da população moderna, sendo caracterizada pela dificuldade constante ou eventual da evacuação das fezes, que se tornam ressecadas. A constipação intestinal pode muitas vezes ser um sintoma de algum outro problema gastrointestinal, ou somente conseqüência de uma má alimentação, ansiedade, estresse e outros fatores que influenciam no mau funcionamento do intestino.

Estatisticamente, a prisão de ventre afeta mais as mulheres do que os homens devido a fatores hormonais e, no caso da gestação, pela compressão do útero sobre o intestino. A constipação intestinal causa um transtorno considerável ao organismo, principalmente devido ao acúmulo de toxinas que não foram eliminadas. O inchaço e dor abdominal são os sinais percebidos em um primeiro momento, com o passar do tempo outros sinais começam a surgir como: mau humor, irritabilidade, cansaço, pele oleosa e gases. Em longo prazo a constipação intestinal pode contribuir para o aparecimento de doenças mais graves como apendicite, câncer de cólon e obesidade.

Alguns hábitos podem auxiliar no tratamento da constipação intestinal, como a ingestão de alimentos ricos em fibras, pois elas atuam como um laxante natural para o organismo e aumentam o volume de fezes. Aumentar a ingestão de líquidos também é fundamental, pois a água favorece o amolecimento das fezes, reduzindo assim o esforço dos músculos do abdomên para evacuação. E a prática regular de exercícios físicos, visto que o exercício aeróbico libera adrenalina, substância que estimula as contrações intestinais e facilita a eliminação das fezes. Outro procedimento importante que contribui para o bom funcionamento intestinal, são as massagens.

A massagem abdominal estimula os movimentos peristálticos das vísceras do tubo digestivo, facilitando o trânsito fecal, sendo muito recomendada para aqueles que sofrem de prisão de ventre.

Além da peristalse, com a massagem as circulações sangüínea e linfática também são ativadas. Quando massageamos a pele produzimos estimulações nervosas que chegam ao cérebro e causam uma redução do cortisol (hormônio da supra-renal) e uma elevação da serotonina, proporcionando assim uma redução do tônus muscular e conseqüentemente relaxamento e bem estar. Com isso ocorre a redução da ansiedade e do estresse, fatores que influenciam na constipação intestinal.

A massoterapia é a utilização de diversas técnicas de origem orientais e ocidentais, exercidas por meio de toques que proporcionam benefícios terapêuticos, relaxantes e estéticos. Ela estimula a circulação sanguínea, estimula a eliminação de toxinas e resíduos metabólicos, estimula movimentos peristálticos do intestino, reduz a ansiedade, melhoram a qualidade do sono, minimiza o humor depressivo e conseqüentemente melhora significativamente a qualidade de vida das pessoas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário