29 de set de 2012

Plataforma Vibratória: o poder da máquina!

Entendendo o funcionamento da máquina: Na caixa da plataforma há motores que ao serem acionados provocam uma vibração que faz a plataforma subir e descer, ir para a frente e para trás e de um lado para o outro – tudo isso numa velocidade entre 30 e 50 vezes por segundo! E é esse conjunto que faz com que você faça esforço para manter o corpo em equilíbrio durante a execução dos movimentos. Quer saber qual o resultado disso? Maior recrutamento muscular, fazendo com que mais fibras sejam utilizadas em resposta ao estímulo.

Agora vamos desmentir alguns conceitos já quase populares ditos por aí... NÃO TEM MOLEZA! Ao contrário do que se vê em muitas propagandas de TV que oferecem plataformas residenciais mostrando mulheres e homens com corpors perfeitos em cima do equipamento, parados apenas sentindo a vibração, essa não é a realidade. A aula é puxada, o aluno não fica parado e faz diversas posturas: de pé sobre ou fora da plataforma, deitado de barriga para cima, para baixo ou de lado na plataforma, sentado na plataforma, fora da plataforma com apenas braços ou pernas apoiados sentindo a vibração, enfim... não tem como ficar um minuto dos 30 minutos de aula parado. E é por isso que em tão pouco tempo de atividade os resultados são comparados com o de um treino de musculação convencional.