18 de ago de 2013

Ácido fólico ajuda no combate a depressão: enriqueça sua dieta com ele e seja mais feliz!

Depois de analisar os hábitos de 80 mil pessoas, pesquisadores da Universidade de Warwick, no Reino Unido, concluíram que, quanto maior o consumo de frutas e vegetais, melhor o estado de espírito das pessoas.


Tem mais: na investigação, o pico de alegria ocorreu com a ingestão de sete porções diárias. 

É difícil apontar o mecanismo de ação que levou ao resultado, mas sabe-se que esses alimentos são fontes de vitaminas, minerais e antioxidantes. 

Uma substância que pode ter papel de destaque nesse contexto é o ácido fólico. Presente em muitas frutas e vegetais, a vitamina aparece em baixos níveis em pessoas deprimidas. De acordo com dados de pesquisas  em 40% dos casos de depressão a causa é a falta de ácido fólico. “Nutrição e humor têm uma íntima relação”, afirma Daniela Jobst, especialista em nutrição funcional e bioquímica do metabolismo. A parede do intestino produz 80% dos neurotransmissores que agem no cérebro (como a serotonina, responsável pela sensação de prazer e bem-estar). Além do ácido fólico, selênio, magnésio e cálcio provenientes da dieta, também podem interferir no humor. Mais um grande motivo para colocar alimentos ricos nesses nutrientes na rotina de uma vez por todas.

Já existem estudos clínicos mostrando a eficácia do ácido fólico aliado a antidepressivos clássicos. Ou seja: consegue-se reduzir a dose do antidepressivo e, com isso, diminuir seus efeitos colaterais quando associa-se ácido fólico ao tratamento. 

As frutas são ricas em frutose, um açúcar que pode engordar se ingerido em excesso. Por isso, a alimentação deve ser balanceada, ou seja, você não pode comer um carrinho de supermercado cheio de frutas por dia e achar que está tudo bem porque é fruta...Então não se esqueça de que as porções de alegria incluem também vegetais.

Folhas verde escuras, feijão, ervilha, brócolis, aspargo, frutas cítricas, grãos, fígado e verduras cruas também são fontes fartas de ácido fólico. Para um resultado mais efetivo é indicado associá-lo à vitamina B12 , presente em atum, carne bovina, leite e ovos

Nenhum comentário:

Postar um comentário